A plantação cognitiva - Jota Mombaça

JOTA MOMBAÇA (Brasil, 1991) é uma artista interdisciplinar e
bicha não binária cujo trabalho deriva da poesia, teoria crítica e
performance. A questão sonora e visual das palavras desempenha
um papel importante em sua prática, que, muitas vezes, se relaciona à crítica anticolonial e à desobediência de gênero. Por meio da performance, da ficção visionária e de estratégias situacionais de produção de conhecimento, Mombaça ensaia o fim do mundo como o conhecemos para figurar o que vem depois de desalojarmos o sujeito colonial moderno de seu pódio. Participou de residência artística junto ao Capacete 2017 na documenta 14 (Atenas/Kassel). Realizou performances em instituições como Bienal de Sidney (2019), Bienal de Berlim (2018), Instituto Goethe (2014), Pinacoteca do Estado do Rio Grande do Norte (2013), entre outros.

Joao Terra

Source
Actions